Quinta, 14 Agosto 2014 12:02

Prefeitura promove I Fórum Comunitário Pró Selo UNICEF

Publicado por
Avaliar
(0 Votos)

DSC 0731-resizedA Prefeitura de Candeias do Jamari, juntamente com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, promovem nesta sexta-feira (15) no auditório da Câmara de Vereadores, das 14h às 18h, o I Fórum Comunitário do Selo Unicef, edição 2013-2016. O município aderiu ao Programa Selo UNICEF Município Aprovado e tem como articuladora municipal, a primeira-dama e secretária municipal dos Direitos e Defesa da Mulher, Djeimi Cheurie Muniz, que formou uma comissão e está empenhada, juntamente com o CMDCA na realização e organização do evento.

De acordo com Djeimi, a realização do I Fórum é o cumprimento de mais uma etapa essencial rumo à conquista do Selo. “Esperamos contar com a presença da comunidade em geral dos diversos segmentos sociais para juntos, analisarmos a situação da infância e da adolescência, além de formular propostas para um Plano Municipal de Ação do Selo UNICEF até 2016”, ressalta Djeimi, convidando toda a sociedade civil a participar do evento e expor suas ideias e propostas.

O prefeito Francisco Sobreira de Soares Careca (PSDB) explica que o Selo UNICEF é um reconhecimento internacional que será concedido pelo Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF) aos municípios que mais se destacarem na garantia dos direitos das crianças e adolescentes. “Uma das estratégias é incentivar e fortalecer a participação da comunidade na melhoria de vida dos meninos e meninas, promovendo atividades como os fóruns, sendo esta uma grande oportunidade de ouvir como a comunidade avalia e o que ela tem a propor em relação às políticas públicas municipais na área da infância e do adolescente”, ressaltou o prefeito, reforçando o convite, para que todos participem e colaborem com a elaboração das propostas.

"Nossa previsão é que seja articulado com as secretarias, comunidades, presidentes de associações comunitárias e demais representantes para que o plano seja feito de acordo com a realidade de  nosso município", finaliza a articuladora Djeimi.